Revista Alergo ar #13 Primavera - Online - page 12

12
alergia tem um caráter pessoal, ou
seja, é possível que o contato com
determinada substância cause uma
reação inflamatória em algumas pessoas. Os
ácaros que estão em suspensão no ar, alguns
produtos de limpeza e a própria poluição at-
mosférica, como a poeira, podem desencadear
um tipo de alergia. Elas podem surgir de várias
formas. Assim como uma inflamação na mu-
cosa nasal pode levar a uma rinite, quando a
mucosa é conjuntival, o resultado é uma con-
juntivite alérgica. As partículas causadoras de
alergias podem estar tanto em locais poluídos
quanto no trabalho ou em locais de grande
suspensão de partículas no ar. Se uma pessoa
for potencialmente portadora de alergias, po-
derá desenvolver a conjuntivite alérgica com
mais facilidade, quando entrar em contato
com tais substâncias.
Mudar alguns hábitos pode evitar a
reincidência de conjuntivite alérgica
Em entrevista à Revista Alergo ar, o médi-
co oftalmologista Ricardo de Almeida Neves, vice-
-presidente da Sociedade Brasileira de Oftalmologia,
ressalta situações de risco para os alérgicos.
Quando se fala de partículas do ar, é importan-
te dizer que as que têm proteínas, como o ácaro
e o pólens das flores, são as principais causadoras
de alergias. As alergias de contato, causadas pelo
uso de esmaltes de unhas e certo tipo de maquia-
gem, podem causar a conjuntivite. Isso porque ao
usar esses produtos a pessoa pode levar a mão
aos olhos e assim causar a irritação. “No Brasil, a
polinização acontece o ano inteiro.Têm flores que
se desenvolvem no verão, outras no inverno ou
na primavera; mas sem dúvida nenhuma, na pri-
mavera há uma maior explosão dessas plantas,
sendo assim, este é um período em que a doença
aparece com mais frequência. Esse quadro é mais
comum em países de clima frio, onde as estações
são mais marcadas”, esclarece o médico.
Assim como outros tipos de alergias, a conjun-
tivite alérgica não tem cura,mas não é contagiosa,
e seu controle é parte importante do tratamento.
Quem tem doença alérgica, sempre que entrar em
contato com determinadas substâncias (alérge-
nos), vai desenvolver a doença. O primeiro passo
para o tratamento do alérgico é a mudança de
alguns hábitos. Cuidar do ambiente em que vive
pode evitar a reincidência da doença. Livros muito
antigos, que ficam muito tempo guardado, abri-
gam ácaros; além de serem feitos de papel, que é
matéria orgânica, podem desencadear uma crise
alérgica ao serem manuseados. Papeis antigos,
que podemestar mofados, também são perigosos.
A
ES
PECIAL
por Márcia Asevedo
“As partículas
causadoras de alergias
podem estar tanto em
locais poluídos quanto
no trabalho ou em
locais de grande
suspensão de
partículas no ar.”
1...,2,3,4,5,6,7,8,9,10,11 13,14,15,16
Powered by FlippingBook